21 de maio de 2021

O estágio é a porta de entrada para o mercado de trabalho e a base para a construção de uma carreira.

Conquistar o primeiro emprego é o sonho de todos os jovens profissionais, mas não é tarefa fácil; a concorrência é grande e muita empresas exigem experiência. Mas como ser experiente com tão pouca idade e pouquíssimas oportunidades? Essa é uma equação difícil de resolver, mas muito presente em um mercado ainda cheio de barreiras e preconceitos. Então, o que fazer para ter uma primeira oportunidade de emprego? Sem dúvidas, começar pelo estágio é uma boa alternativa.

O estágio pode ser a porta de entrada do mercado de trabalho para os estudantes universitários. Em teoria, estagiar é ter um primeiro contato com o mercado, experimentar o dia a dia de uma profissão muitas vezes vivida na teoria universitária, que prioriza pouco as experiências práticas. Com o estágio, o jovem profissional entende a rotina de uma empresa, a funcionalidade do mercado, lida com pessoas e hierárquica profissional, além de aprender a ter rotinas, atividades definidas e, principalmente, responsabilidades.

>>> Fazer um MBA pode ajudar na carreira, mas não garante promoção ou um novo emprego.

>>> Quais são as causas do desemprego no Brasil e o que fazer para fugir dessa estatística?

Para Rodolfo Araújo, consultor da consultoria de recrutamento e seleção Audens, o estágio foi importante e decisivo para a conquista do primeiro emprego. Antes de começar sua história na Audens, o Administrador formado pela UFPE, passou pela empresa júnior da universidade, pela Amcham-Brasil, como estagiário da área de Produtos e Serviços e pela área de logística do gigante Grupo Votorantim. “Estagiar em empresas de diferentes setores e em diferentes áreas me deu a oportunidade de conhecer o mercado e saber o que eu queria e, principalmente, o que não queria para minha carreira.”, ponderou Rodolfo. “Entrei na Audens como estagiário e lá conquistei meu primeiro emprego, onde estou há quase 3 anos. No período de estágio, os sócios tiveram a chance de conhecer meu potencial e, por isso, me contrataram assim que me formei”, completa.

Um jovem usando camisa branca em um fundo cinza, ele está de braços cruzados e sorrindo

O Administrador Rodolfo Araújo passou por três estágios antes de se tornar Consultor na Audens.

Mas conseguir um bom estágio não é tarefa fácil. A maioria das empresas tem esse cargo, mas a disputa é grande. Em 2020, o Brasil perdeu, aproximadamente, 300 mil vagas de estágio, atingindo 31,4% de desocupação entre os jovens de 18 e 24 anos. Os dados da Pesquisa Nacional por Amostra de Domicílios – Contínua (PNAD) são reflexo da crise econômica causada pelo Coronavírus. Muitos jovens perderam a chance de exercer na prática os conhecimentos adquiridos na universidade, mas não dá para desistir. O mercado tem sim oportunidades e está retomando o ritmo de contratações, mesmo com o cenário econômico difícil e incerto.

Tem lugar para todo mundo e, mesmo não sabendo exatamente o que quer fazer, o estágio é a melhor forma de experimentar e descobrir com que área você se identifica e quer seguir carreira. Mas, afinal, como buscar o primeiro estágio? Aqui vão algumas dicas:

Estude

Lembre-se: você é estudante e deve estudar. Ter boas notas, se mostrar curioso e interessado é o primeiro passo para conseguir um bom estágio.

Algumas empresas fazem testes de raciocínio lógico, português ou alguma matéria relacionada a atividade. Por isso, prepare-se. Estudar é o melhor caminho para conseguir o estágio dos sonhos.

Elabore um bom currículo

Apesar de não ter experiências anteriores, faça um currículo profissional, objetivo e sem erros de português. Seu CV deve dar um bom spoiler de quem você é. Saiba que as empresas não buscam – ou não deveriam buscas – profissionais experientes. O que conta nesse momento é seu potencial e seu perfil comportamental, principalmente.

Não tenha receio de entrevistas

A entrevista é o momento do contratante lhe conhecer. Mostre-se como é de verdade, sem tentar passar uma imagem de mais sênior ou experiente. Não minta sob nenhuma hipótese e tente não ficar nervoso.

No processo de seleção de estágio leva a melhor quem mostra potencial, se comunica bem e tem interesse em crescer.

Estude sobre a empresa e a área do estágio

Antes de participar de um processo de estágio, prepare-se. Leia sobre a empresa, seu segmento de negócio e o mercado em que está inserido. Se possível, estude sobre a área contratante e mostre-se curioso sobre a vaga.

Quem não faz perguntas passa a impressão de que não sabe o que quer e que está ali só pra ver no que dá.

E não esqueça, o estágio é a principal porta de entrada para o mercado de trabalho. Quem aproveita a oportunidade de estagiar em uma empresa interessante e com perspectiva de crescimento, tem tudo para crescer. Por isso, busque estágios que te ensinem e, principalmente, dedique-se. Sua primeira oportunidade de emprego pode depender disso.

Conteúdo postado originalmente na Coluna Carreiras e Mercado de Trabalho, de Felippe Pessoa, no site do Jornal do Commercio.

Autor: Felippe Pessoa

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *